Vulnerabilidade

Embora recomende a leitura do artigo, ele não esclarece suas referencias, especialmente as que usa para considerar a ideia de vulnerabilidade emocional.

https://www.linkedin.com/pulse/depressão-e-ansiedade-são-sinais-de-luta-não-fraqueza-ana-colombia?trk=eml-b2_content_ecosystem_digest-recommended_articles-45-null&midToken=AQFP5lODBdL3DQ&fromEmail=fromEmail&ut=06R7BRaCYnkng1

 

Apresentação

Meu nome é Karen, tenho 43 anos, duas filhas lindas, adoro nadar, além de ser apaixonada pelos meus bichinhos de estimação. Estou criando este espaço virtual pensando em compartilhar com os meus pares questões sobre psicologia associadas a vidas cotidiana. Antes de começar vou descrevo alguns aspectos da minha formação acadêmica e experiência  profissional.

Me formei em psicologia pela UFES em 1999, sou Mestre em Estudos Femininos pela Universidade de Paris 8 na França em 2001, sou especializada em Psicologia Médica pela UERJ e em Psicologia Oncologica pelo INCa. Atualmente estou em fase de conclusão do meu doutorado em Ciências Médicas pela UERJ. Fiz doutorado sanduíche na Universidade de Liverpool e os assuntos em que tenho trabalhado são integração de diferentes processos de trabalho, vulnerabilidade emocional e social, acesso ao cuidado em saúde, ferramentas e meios de treinamento de profissionais não especializados para melhor suas atividades de trabalho integradas e na comunicação com seus clientes.

Nos últimos anos minhas experiências profissionais são diversas. Tenho trabalhado na clínica, com gestão, atividades de educação e facilitação presencial e pela internet e em pesquisa.

É bastante coisa e é assim que eu gosto. Tudo junto e misturado. O motivo é a minha incansável vontade de aprender e a trocar com os meus parceiros de trabalho e clientes. Por isso decidi criar este blog para compartilhar com quem se interessar os filtros e questões que norteiam as práticas que venho participando. Meu objetivo é trocar informações e aprender com a diferença a fim de pensar questões sobre o cuidado emocional. Espero que gostem e interajam com esta página livremente.

Assim me proponho a facilitar conversas que toquem questões de diferentes conteúdos e formas. Entrem e sintam-se à vontade para observar, interagir e opinar quando quiserem!